Presidente Chicão vai à CET solicitar atenção para manutenção dos contratos de remoção

Nosso presidente Francisco Pereira da Silva, o Chicão, esteve reunido nesta quarta, dia 7, com Jair de Souza Dias, presidente da CET (Companhia de Engenharia de Tráfego). A visita a sede do órgão foi acompanhada por Edenir Simões, chefe de gabinete da presidência. Na ocasião, Chicão apresentou nossa preocupação com o fim dos contratos de remoção da cidade de São Paulo em 2020 e, em especial, com o destino de 300 trabalhadores das atuais empresas prestadoras de serviço. Se o modelo atual for alterado, serão muitos os prejuízos ao município.

Ao externar esta preocupação, alertamos a CET sobre o bom funcionamento do formato de serviço prestado atualmente. Também colocamos em pauta os possíveis prejuízos de uma mudança brusca, como a terceirização das remoções. Jair nos respondeu sobre o andamento de um estudo para o melhor formato, considerando a situação dos Guincheiros contratados. Até o final do ano deverão ter novidades.

PARCERIA – Chicão afirma: “O encontro foi positivo. Uma vez não tendo nada definido, tive oportunidade única de colocar a presidência da CET a par da situação de centenas de famílias, caso sejam feitas mudanças abruptas. Com a chegada de uma licitação em 2020, temos de ter segurança para os trabalhadores e munícipes, pois a qualidade do atendimento não pode ser alterada. Agradecemos o espaço fornecido e nos colocamos à disposição para chegarmos ao melhor para todos”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *